Greve paralisa ruas em Ribeirão Preto e Franca

0

No twitter, as “hashtags” com os assuntos mais comentados foram #BrasilEmGreve e #ForaTemer.

Foi convocada “greve geral” em todo país através de redes sociais. Os grevistas protestam pelas mudanças propostas e aprovadas recentemente pelo governo Temer. Em Franca no começo da manhã, grupos de sindicalistas impediram o trânsito na avenida que dá acesso ai bairro Distrito Industrial. Ônibus e carros tiveram que fazer outros trajetos para chegar a seus destinos. Um Morroagudense que estava em Franca a trabalho registrou o momento num vídeo que foi divulgado em suas redes sociais. (Assista ao vídeo)

Na cidade de Ribeirão Preto, funcionários da Universidade de São Paulo (USP) impediram a entrada de veículos no campus, o que dificultou o trânsito na avenida do Café e na entrada do Hospital das Clínicas.

Ainda em Ribeirão Preto, ficaram impedidas a avenida Costa e Silva e a rotatória Amin Calil, divisa da zona Central com a zona Norte. Quase mil pessoas foram as ruas para protestar contra as reformas trabalhistas, saindo do Teatro Pedro II e fazendo trajeto pelo centro da cidade.

Entenda a reforma

O projeto proposto pelo Presidente Interino Michel Temer, altera diversas leis trabalhistas previstas na CLT (código de leis trabalhistas) e vem gerado revolta pelo país. As mudanças prejudicam os trabalhadores em diversos sentidos. Além de liberar o parcelamento das férias em até três vezes, segundo o site Carta Capital, as medidas incentivam patrões a cancelar apoio sindical e facilitar o processo de demissões em massa.

A reforma foi aprovada pela câmara e segue agora para o senado.

Share.

About Author

Esta matéria foi produzida pela Equipe do EA1.

Leave A Reply